O novo mandamento de Jesus: ouça a mensagem do Mestre!

Se pudéssemos resumir a mensagem do evangelho em uma só palavra, poderíamos falar apenas de uma coisa: amor. O apóstolo João disse que aquele que não ama, não conhece a Deus, pois Deus é amor (1 João 4:8). Foi exatamente sobre isso que aprendemos sobre o novo mandamento de Jesus.

O nosso Mestre nos ensinou uma lição poderosa, que nos exorta a amar de uma maneira sublime e sacrificial. Por meio do novo mandamento de Jesus, como seus seguidores, somos convocados a sermos iguais àquele a quem nós seguimos. 

Mas o que é o novo mandamento de Jesus? O que o Filho de Deus quis nos ensinar com este chamado ao amor? 

Antes de responder esta pergunta, vamos ler o texto que originou este novo mandamento:

“Um novo mandamento lhes dou: Amem-se uns aos outros. Como eu os amei, vocês devem amar-se uns aos outros. Com isso todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos outros”. (João 13:34,35). 

O contexto do “novo mandamento de Jesus”

Os discípulos de Jesus estavam reunidos com Jesus para a cerimônia da páscoa. Jesus sabia que aquele seria um dos últimos momentos com seus seguidores, afinal, “era chegada a sua hora”. Em breve, o Filho do Homem seria traído por um dos seus, depois seria injustamente condenado e, enfim, levado à morte de cruz

Aquele foi o momento perfeito para Jesus explicar e ensinar princípios eternos sobre o amor. Foi nesta ocasião que Jesus lavou os pés dos seus discípulos, inclusive de Judas, aquele que o traiu. 

Lavar os pés naquela época era um costume durante as ocasiões em que as pessoas se reuniam para festas ou reuniões comunitárias. Após longas caminhadas até seus destinos e com os pés cobertos de poeira, lavar os pés do outro não era uma tarefa nobre. Era o servo de uma casa lavar os pés dos convidados que chegavam.

O que Jesus nos ensina sobre “lavar os pés” dos outros?

Quando Jesus se ajoelha e lava os pés dos seus discípulos, Ele dava um exemplo supremo do significado real do novo mandamento. Leia abaixo:

Jesus sabia que o Pai havia colocado todas as coisas debaixo do seu poder, e que viera de Deus e estava voltando para Deus;

assim, levantou-se da mesa, tirou sua capa e colocou uma toalha em volta da cintura.

Depois disso, derramou água numa bacia e começou a lavar os pés dos seus discípulos, enxugando-os com a toalha que estava em sua cintura.

Chegou-se a Simão Pedro, que lhe disse: “Senhor, vais lavar os meus pés? ” (João 13:3-6

Você reparou na reação de Pedro em relação ao ato de Jesus? O discípulo ficou extremamente constrangido diante do amor e humildade do seu mestre. Na verdade, lavar os pés dos discípulos demonstrou a verdadeira humildade de Jesus. Mas não é apenas uma demonstração do seu caráter. Jesus os convida a fazerem o mesmo!

Disse Pedro: “Não; nunca lavarás os meus pés”. Jesus respondeu: “Se eu não os lavar, você não terá parte comigo”. (João 13:8)

Desta forma, ao assumir o papel de servo para lavar os pés de seus discípulos, Jesus estava dando um exemplo incrível do que é ser “semelhante a Cristo”. A mensagem de Cristo envolve seguir seu exemplo de maneira exata. Ou seja, assim como ele se humilhou e amou os seus, nós também devemos amar os outros. 

 Foi neste contexto que foi ensinado sobre o novo mandamento de Jesus.

O que significa o novo mandamento de Jesus?

Neste caso, o novo mandamento de Jesus tem um elemento “antigo” e outro realmente novo. De certa forma, os judeus já conheciam o mandamento da lei mosaica que dizia, em levítico 19:18, que todos deveriam “amar o próximo como a si mesmo”. No caso do novo mandamento de Jesus, existem elementos mais profundos. 

O primeiro deles é a troca de “amar ao próximo” por amar “uns aos outros”. O segundo é a troca de “a si mesmo” para “como eu vos amei”. 

Neste aspecto, o amor ensinado por Jesus tem o sacrifício de Cristo como modelo. Esta parece ser uma nova qualificação importante para o ensino moral de Jesus. Parece que a norma e o exemplo supremo de amor cristão deve ser o amor que o próprio Jesus mostrou aos seus seguidores.

Consequentemente, isso deverá ser expandido às pessoas. Na verdade, este amor se inicia dentro da comunidade dos discípulos de Jesus, como vemos na expressão “amai-vos uns aos outros”, estendendo para todos aqueles que estão ao nosso redor. 

O terceiro elemento do novo mandamento refere-se a identidade cristã. Jesus disse aos seus discípulos que se amassem uns aos outros, eles seriam reconhecidos de fato como seus seguidores. 

Ou seja, assim como Ele nos amou, ao amarmos e praticarmos a bondade em relação aos outros, as pessoas deveriam reconhecer que estamos vivendo de verdade a mensagem ensinada pelo nosso Senhor.

Portanto, o novo mandamento de Jesus vai além de amar o próximo. Ele aprofunda o caráter prático deste amor, incluindo o aspecto sacrificial. Que Deus nos ensine a viver esta verdade.

 

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *